04/03/2015

Palestra Há vida depois da escola?

Decorreu no passado dia 2 de março, no Auditório da Escola Secundária Dr. Júlio Martins, a palestra Há vida depois da escola?.

Inicialmente prevista para os alunos do Deporto Escolar, a palestra foi alargada aos que estão, neste momento, a usufruir de orientação vocacional no 9.º ano. O convidado que recebemos este ano, Miguel Augusto Lopes, atualmente treinador adjunto do FC Penafiel passou por várias escolas do agora agrupamento Dr. Júlio Martins tendo sido na escola sede que concluiu o ensino secundário.

Após esta fase, ingressou na Universidade do Porto, no curso Desporto e Educação Física, com a opção Desporto de Rendimento – Futebol, tendo concluído a licenciatura em 2005. Depois, trabalhou em 5 escolas, lecionando Educação física entre 2004 e 2009. Além desta formação universitária, fez o Curso de Treinadores UEFA B.

Começou a sua atividade como treinador em 2004, e desde aí, passou por vários clubes sendo o mais sonante no seu percurso o FC Porto onde desempenhou o cargo de Diretor Técnico das Escolas de Futebol DRAGON FORCE e, depois, Treinador Principal de Iniciados (Sub-14), entre 2010-2014.

Durante cerca de uma hora e meia o Miguel Lopes falou do seu percurso profissional, da importância de descobrir o talento que há em cada um de nós, de lutar pelos nossos sonhos e do valor do esforço e do trabalho como decisivos para o sucesso. Salientou, ainda, a pertinência de ir enriquecendo o currículo nas mais variadas áreas, pois nunca se sabe o que nos será exigido no futuro. No seu caso, foi excelente ter apostado no domínio das línguas estrangeiras, e deu exemplos dessa mais-valia no seu quotidiano enquanto treinador, que o obriga ao contacto com atletas, e outros agentes, de várias nacionalidades. Lembrou que, para alcançar o sucesso há que tentar, sempre, superar as limitações e sair da zona de conforto, enfrentando os desafios que surgem, com determinação. Afinal, se queremos ser o melhor “quem disse que ia ser fácil?.



A sessão revelou-se bastante enriquecedora, não apenas pela mensagem e valores transmitidos pelo orador, mas também pela proximidade que conseguiu junto do público.

Em nome de todo a agrupamento, mais uma vez agradecemos ao Miguel Lopes a sua disponibilidade, bem como esta sessão que tanto agradou aos presentes, desejando-lhe as maiores felicidades pessoais e profissionais.


Sem comentários:

Enviar um comentário