24/06/2014

Visitas à Biblioteca Municipal – Turmas de 1.º ano de escolaridade

À semelhança dos alunos dos 3.º e 2.º anos de escolaridade que, no decorrer deste ano letivo, puderam visitar a Biblioteca Municipal, também as turmas do 1.º ano de escolaridade procederam a esta visita.
Assim, foi ao longo do mês de maio e início do mês de junho, que às terças-feiras, no período da manhã, todos os alunos do 1.º ano se deslocaram a este espaço privilegiado de leitura e de cultura local, onde, devidamente guiados pelos colaboradores da biblioteca, puderam tomar um primeiro contacto, quer com as instalações, edifício, espaços e potencialidades, quer com o seu espólio e acervo.






Articulação entre ciclos

Porque a sopa é um prato fundamental na alimentação em todas as idades, os alunos do 4º B quiseram fazer passar esta mensagem aos alunos da sala 4 do pré-escolar.
“A sopa verde” foi o título escolhido, mas ao longo da história, muito bem encenada e dramatizada, todos puderam “degustar” sopas das mais variadas cores e sabores.

A mensagem passou e a avaliar pelo seguimento da atividade, também os mais pequenos quiseram eles próprios fazer a sua própria dramatização demonstrando que gostaram muito da “ sopa verde” e que ela fará sempre parte da sua alimentação diária.



Os meninos da sala 4 retribuíram, na semana seguinte,  e apresentaram uma belíssima encenação do conto tradicional “O macaco de rabo cortado” de António Torrado.

Todos se divertiram com a  história do um macaco e das suas traquinices...



21/06/2014

Uma visita muito especial...


A abertura da escola e da Biblioteca a toda a comunidade como um dos pilares estruturais do Projeto aLeR+ teve  a sua expressão no passado dia 12 de junho, quando uma turma de alunos do pré-escolar do Centro Social e Paroquial de Chaves se deslocou à Biblioteca da EBSCT.
Neste intercâmbio, a  turma do 3.º E  apresentou os espaços da escola aos visitantes,  explicou o funcionamento da biblioteca e realizou a atividade “Leituras na cadeira do rei”, bem do agrado de todos e que motivou bastante os visitantes.
A Laura leu  alguns poemas do livro “Poemas mentira e da verdade”, da autoria de Luísa Ducla Soares, e era bem visível no rosto dos ouvintes a atenção e interesse que a leitura lhes ia despertando.
Ficam aqui alguns momentos registados…





Os grandes leem aos pequenos


Como nem só de brincadeiras se faz o convívio durante os intervalos, a Biblioteca da EBSCT proporcionou aos alunos (grandes e pequenos) uma atividade onde, mais uma vez, a leitura foi protagonista.
Assim, todas as terças e quartas-feiras, entre as 10:30 e as 11:00, “os grandes” (alunos dos 3.º e 4.º anos) inscreviam-se para ler “aos pequenos” (alunos dos 1.º e 2.º anos).
A atividade registou tal adesão, 50 sessões de leitura, quer por parte dos leitores, quer por parte dos ouvintes, que não houve tempo para todos os alunos que, empenhadamente, se voluntariaram para ler, o pudessem ter feito como era seu desejo.
A Biblioteca congratula-se com a recetividade que esta atividade mereceu por parte dos alunos e fica a promessa da sua continuidade no próximo ano letivo.

O que pensamos sobre as leituras na "Cadeira do rei”.


O ano letivo chegou ao fim e com ele chega também um tempo de balanço e reflexão sobre as atividades desenvolvidas na Biblioteca da EBSCT.
Semanalmente, todos os alunos do 2º ano leram na “Cadeira do rei” e quiseram exprimir-se sobre esta atividade.
Turma 2.º B
-Eu gostei quando o Afonso leu porque esteve lá uma escritora. (Carolina)
-Foi divertido porque foi a primeira vez que li à frente de muitos colega. (Matilde Dias)
-A cadeira do rei correu-me bem porque vesti aquele fato de cor vermelha. (Margarida)
-A cadeira do rei deve continuar para os alunos do 2º ano. (Ariana)
-Foi “fixe” sentar-me na cadeira do rei, mas ela tem que ser mais forte. (João Pedro)
Turma 2.º C
-Senti-me muito emocionada quando li para os meus colegas. (Luana)
-Gostei muito da atividade e gostava de ler livros maiores. (André)
-Gosto da cadeira do rei porque depois da história fazemos atividades divertidas sobre ela. (Sandro)
-Eu gostava de repetir a leitura na cadeira do rei para treinar melhor a minha leitura. (Bianca)
Turma 2.º D
-Senti um bocadinho de vergonha mas depois entusiasmei-me e li bem. (Lucas)
-A cadeira do rei foi muito bem organizada e divertida. (Raquel)
-A Biblioteca é um lugar mágico e a cadeira do rei é uma forma original de nos divertirmos a ler. (Carolina Alves)
-A professora até me disse “Boa tarde senhora majestade” e eu ri-me toda. (Gabriela)
-Foi muito divertido porque  nos vestimos de reis e sentamo-nos numa cadeira igual à deles. (Carolina N.)
Turma 2.º E
-A  cadeira do rei é uma forma de leitura muito divertida. (Nuno)
-Quando leio na cadeira do rei penso que estou a voar. (Diogo)
-Senti muita alegria porque os colegas me ouviram em silêncio. (Margarida)
-A cadeira do rei deve ser mágica porque quando nos sentamos nela lemos muito bem. (Martim B.)
-Eu adorei ler e ouvir ler todos os meus colegas. (Tatiana)

2



Articulação entre ciclos



Letra a letra…frase a frase…texto a texto…até chegar à história completa e ao livro no seu todo, os alunos do 1.º B cresceram e aprenderam a ler  e tão bem, que já quiseram ser eles a ler para os mais novos.
Assim foi na passada quarta-feira, em que os alunos da sala  4  do pré-escolar da EBSCT tiveram o privilégio de ser os destinatários de uma leitura coletiva da história "Pedro vai à esola”, pela totalidade dos alunos do 1.ºB.
Muito bem ensaiadinhos e compenetrados do seu importante papel de leitores e comunicadores, encantaram os seus futuros colegas de ciclo, dando-lhes um belíssimo exemplo de trabalho e gosto pelas leituras.



13/06/2014

Apresentação do e-book do 7.ºD




No intervalo grande da manhã do dia 11 de junho a turma D do 7.º ano fez a apresentação de um livro que reúne textos elaborados pelos alunos ao longo do ano, num trabalho colaborativo entre as docentes de Português e TIC. Além de poemas, aventuras e mistérios, o e-book diverte-nos com pequenos episódios das vidas destes autores.
Alguns alunos mostraram um pouco do que podemos encontrar neste livro, lendo poemas que construíram, perante uma assistência composta pelos colegas da turma, docentes e alunos de outras turmas presentes na BE.

A biblioteca escolar recebeu um exemplar impresso e o e-book está online no blogue da BE, no separador Trabalhos de alunos, ou poderá ser lido a seguir:

</

12/06/2014

Boletim Informativo de maio


Atividades de Integração e Articulação do 4º ano na BE da Nadir Afonso

No âmbito das Atividades de Integração e Articulação previstas no PAA, a BE da Escola Nadir Afonso recebeu, nos dias 3 e 4 de junho, os alunos do 4.º ano do Agrupamento e de quatro escolas privadas com uma atividade de leitura dramatizada da obra Comprar, comprar, comprar, de Luísa Ducla Soares. A atividade dinamizada na biblioteca esteve a cargo dos alunos da turma A do 5.º ano, que prepararam a leitura em Português, com a professora Beatriz Martins, e até pensaram na aplicação de um “teste” para medir o grau de consumismo dos nossos convidados. No final da leitura, os colegas mais novos tiraram o retrato “dando a cara” como Ruben, a personagem principal, ou a sua irmã, numa reprodução da ilustração da obra, feita pelas professoras Teresa Machado e Ana Bela Esteves.

Antes de partir para outra oficina, alguns alunos e professores ainda passaram pela Rádio Nadir Afonso para serem entrevistados pelo nosso repórter João Mendes, que esteve a cobrir todo o evento juntamente com o professor Luís Pinto.


06/06/2014

3ª Paragem Todos aLeR+


Realizou-se, no dia 2 de junho, pelas 14.15h, a 3ª paragem Todos a LeR+, sob a temática A criança, nos  Jardins-de-infância e  nas Escolas Básicas de 1º ciclo,  bem como em algumas turmas do 2º ciclo,  3º ciclo e Secundário.
Estas paragens resultam do campo de ação do Projeto aLeR+, que orienta as escolas aderentes a dinamizarem atividades de promoção de leitura nos mais variados contextos e momentos, criando uma cultura integrada de leitura.
Obrigada a todos pela vossa participação e continuação de boas leituras durante o período de férias.


05/06/2014

Jogo dos Direitos Humanos


A turma I do 6.ºano, da Escola Nadir Afonso, está desde o ano anterior no programa de testagem do Referencial Aprender com a Biblioteca Escolar, no domínio de referência da pesquisa da informação. 
Este ano, em Educação para a Cidadania, trabalhou o tema Direitos Humanos e o produto final foi um jogo de cartões, composto por cinquenta questões sobre vários direitos estudados e ainda o respetivo regulamento do jogo. 

Conhecedores de todas as respostas às perguntas elaboradas, pois a pesquisa foi aprofundada, a turma ofereceu o jogo à biblioteca escolar, contribuindo não só para o enriquecimento do seu fundo documental como para a aprendizagem dos colegas que, de uma forma lúdica, ficarão a saber mais sobre os Direitos Humanos. 
A biblioteca escolar agradece!

04/06/2014

Vencedores do Concurso PORDATA/RBE 2013-14

 
Foram submetidos até ao dia 9 de maio os trabalhos do Concurso PORDATA/RBE 2013-14 e, finda a apreciação dos mesmos pelo júri do concurso, foram divulgados os nomes vencedores ex aequo, bem como os títulos dos trabalhos desta 4.ª edição, que podem ser consultados aqui: http://www.rbe.min-edu.pt/np4/1264.html

 



O trabalho do AEJM proposto a concurso, da autoria dos alunos Marco Rodrigues, Pedro Dias e Tiago Martins do 11.ºD, com o tema Portugal no Contexto da União Europeia, realizado na disciplina de economia A, sob orientação do professor Augusto Borges, para pena nossa não foi um dos contemplados.

 


 
Os trabalhos vencedores serão brevemente disponibilizados nos portais da Rede de Bibliotecas Escolares e da Fundação Francisco Manuel dos Santos.

 

02/06/2014

XXVII Encontro de Leitura em Mairos

Foi contemplando o céu que demos por encerrados os Encontros de Leitura do Projeto aLer+ do Agrupamento Júlio Martins do ano letivo 2013/2014.
Foi para Mairos que na última sexta-feira, dia 30 de maio, a comunidade leitora do AEJM se dirigiu para explorar os céus. Primeiro, na tão acolhedora escola que recebeu pela 3.ª vez o Encontro  e debaixo de um teto enfeitado com lindas estrelas feitas pelos alunos anfitriões, desvendaram-se as leituras sobre o tema: muitos poemas, excertos de obras, leituras em grupo com recurso a divertidos adereços, leituras entre mães e filhos,...
Apesar do tema exigir uma procura mais minuciosa, todos foram empenhados e descobriram um tesouro entre as muitas estrelas e planetas da nossa literatura, de modo a poder surpreender os restantes participantes.
Para os mais pequeninos e outros que não poderiam dirigir-se ao local de observação do céu ao telescópio, o professor Gil Alvar projetou as imagens das estrelas e constelações visíveis nessa noite e falou inclusivamente da mitologia associada a determinadas figuras imaginadas, que originou várias lendas conhecidas. 
Depois das leituras, as docentes Fernanda Cepeda e Maria Mateus  e comunidade escolar de Mairos convidaram os presentes para um lanche muito apetitoso e variado, de modo a que todos puderam provar as várias especialidades. 



Mas o serão ainda não estava terminado! 
Contactado pelo Departamento de Ciências Experimentais, o Sr. Engenheiro Paulo Coimbra encontrava-se à nossa espera num local à saída da aldeia (que reúne as condições necessárias) para, com os telescópios preparados, nos oferecer uma sessão de observação do céu. Primeiro, explicou e mostrou (usando um apontador luminoso próprio) as estrelas e constelações visíveis nessa noite no céu de Mairos e, depois, cada um pôde “espreitar” através do telescópio e sentir-se mesmo próximo das estrelas.

O nosso agradecimento ao Sr. Engenheiro Paulo Coimbra pela sua disponibilidade e gentileza em deslocar-se a Mairos para participar nesta iniciativa, e pelo grande valor que veio acrescentar a este Encontro de Leitura.





Doação de livros Infantis à Biblioteca Escolar da EBSCT


A Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica de Santa Cruz Trindade, tendo conhecimento das diversas Campanhas de Solidariedade promovidas através da fundação Montepio, formalizou um pedido para recolha de livros junto daquela instituição, a qual acolheu a iniciativa, tendo para o efeito doado 185 livros em ótimo estado de conservação, adequados às faixas etárias dos vários alunos do Agrupamento. Entregaram ainda 39 livros adquiridos com verba própria.



O ato  ocorreu durante as comemorações do Dia Mundial da Criança, no polivalente da EBSCT, tendo a presidente da Associação de Pais, auxiliada por uma mãe, doado simbolicamente um livro a cada delegado de turma.
As Bibliotecas Escolares do Agrupamento, em nome  da comunidade educativa,  agradecem o gesto tão solidário e generoso.

Articulação entre ciclos | escolas do AEJM



Realizou-se no dia 30 de maio, pelas 10h no polivalente da EBSCT, para os alunos dos 3.º e 4.º anos de escolaridade, a terceira sessão do projeto Viagens ao passado subordinada ao tema 8 de julho, Feriado Municipal, apresentada pelos alunos do 9.ºD, orientados pelo professor da disciplina de História, Luís Carvalho.
Ao longo da sessão, e uma vez que o tema era interessante, os alunos ouviram com atenção as explicações apresentadas pelos alunos e pelo professor.
Ficaram a saber que o Feriado Municipal de Chaves se celebra no dia 8 de julho, data que comemora a vitória das tropas do governo republicano sobre as forças de Paiva Couceiro no ano de 1912, terminando assim o fim da 1.ª incursão monárquica.
Parabéns a todos pelo empenho demonstrado, nesta e nas sessões anteriores, pela colaboração e pelo seu contributo para a consecução dos objetivos curriculares.

Formação prática em contexto de trabalho -sessões para 4.º e 5.º anos

No dia 29 de maio, os alunos Ana Carolina Santos e Pedro Ribeiro do Curso Profissional de Técnico de Multimédia, que se encontram em Formação prática em contexto de trabalho nas bibliotecas do Agrupamento, dinamizaram duas sessões para os colegas do 4.ºA da Escola de Santa Cruz Trindade  e dos 5.ºA e B da Escola Nadir Afonso.


De manhã, no 1.º ciclo, abordaram o tema Segurança na Internet, tendo dado particular atenção aos comportamentos de risco e aos cuidados a ter online. Esta sessão foi muito participada na medida em que os mais novos colocaram várias dúvidas e questões relativas a comportamentos que têm, ou que observam nos adultos que os rodeiam, e que poderão constituir ameaça à sua segurança.

À tarde, nas duas turmas de 2.ºciclo o conteúdo apresentado foi o correio eletrónico e suas potencialidades, com uma atividade prática (jogo de cartões) ligada às regras de etiqueta a respeitar online (netiqueta).